sapatinhos vermelhos

    Compartilhe
    avatar
    Raphael Josino
    Vampiro
    Vampiro

    Mensagens : 151
    Data de inscrição : 01/11/2012
    Localização : Miranda Vale,Rio de Janeiro

    sapatinhos vermelhos

    Mensagem por Raphael Josino em Dom Nov 11, 2012 3:24 pm

    O costume de colocar sapatos vermelhos em bebês recém-nascidos é milenar e possui muitas Lendas Urbanas. Por isto, abaixo leremos a lenda mais bonita sobre este costume: Na Idade Antiga, existiam várias caravanas de ciganos. Numa delas, havia a cigana Cláudia que estava prometida em casamento ao cigano Juarez, que pertencia ao mesmo clã. Certo dia, o noivo de Cláudia, estava cortando madeira no meio da floresta, quando uma bruxa, chamada Márcia, avistou o rapaz e se apaixonou por ele. Logo, a feiticeira transformou-se numa bela moça para conquistá-lo. Mas, no momento, em que ela tentou beijar Juarez, o cigano disse: - Desculpe, não posso fazer isto, pois sou comprometido e me casarei amanhã. Assim, a megera se ofendeu e voltou para sua casa. O casamento de Cláudia com Juarez foi maravilhoso e cheio de festa. Porém, no mês seguinte esta cigana descobriu que estava grávida e a notícia chegou até aos ouvidos da feiticeira despeitada, que afirmou: - Cláudia está grávida?! Eu nunca pude engravidar e esta cigana espera justo um filho do homem que me rejeitou?! Mas, isto não ficará assim, pois jogarei uma praga: Todo o filho que esta mulher tiver nascerá sem os dois pés e morrerá no mesmo dia. Então, alguns meses se passaram e Cláudia deu à luz a menino que nasceu sem os dois pés e que acabou falecendo algumas horas depois. O acampamento ficou inconsolável e partiu para conhecer outras terras. Logo, esta cigana ficou gestante novamente. Assim, nove meses se passaram e a moça novamente teve um bebê sem os dois pés que morreu alguns segundos depois do parto. Cláudia se desesperou e correu chorando pelos campos. Porém, avistou um arco-íris e passou a se lamentar diante dele: - Dizem que depois da tempestade, vem o arco-íris. Mas, minhas duas crianças nasceram sem os pés e desencarnaram logo depois... Até quando a tempestade surgirá nos meus olhos? Naquele mesmo instante, outra cigana surgiu de dentro do arco colorido e disse: - Não se preocupe Cláudia... Então, a pobre jovem exclamou: - Quem é você? Como sabe meu nome? A misteriosa mulher respondeu: - Sou Iris, a cigana do arco-íris, que também é uma das deusas do Egito, capaz de desfazer qualquer feitiço. Estou aqui para ajudá-la no seu sonho de ser mãe, pois eu sei a razão pela qual seus filhos nasceram aleijados e expiraram em seguida bem depois do parto. Cláudia falou: - Existe uma explicação para toda esta desgraça? Iris comentou: - Sim, pois uma bruxa poderosa apaixonou-se pelo seu noivo e atual marido. Mas, como ele rejeitou a megera, logo esta feiticeira tratou de jogar-lhe esta praga de que seus bebês nasceriam sem os pés e morreriam logo. Porém, eu tenho uma maneira de desfazer este feitiço... Após falar estas palavras, Iris tirou a cor vermelha do arco-íris e com suas mãos fez dois sapatinhos de bebês, dizendo: - Você ficará grávida logo. Porém, assim que seu filho nascer coloque estes sapatinhos vermelhos em seus pés porque com esta proteção nenhum feitiço ou mau-olhado terá efeito. Pois, esta cor carmim, que veio do arco-íris, tem o poder de desfazer a magia negra e qualquer tipo de inveja. Mais um detalhe importante: assim que você colocar este calçado no bebê não se esqueça de falar sobre o poder dos sapatinhos vermelhos para todas as mulheres grávidas que cruzar o seu caminho. Pois, a partir do momento que você colocar calçados da cor carmim em seu neném, eu prometo proteger todos os recém-nascidos, no primeiro dia de vida, que estiverem com sapatos vermelhos em seus pés. O tempo passou, Cláudia teve sua criança, que também nasceu sem os pés. Logo, esta cigana colocou sapatos vermelhos no bebê. Então, naquele instante, surgiram pés dentro daqueles calçados e desta vez seu filho não morreu. A partir daquele instante surgiu a tradição de colocar calçados vermelhos, em recém-nascidos, no seu primeiro dia de vida.

      Data/hora atual: Seg Ago 21, 2017 4:20 am