lenda : capelobo

    Compartilhe
    avatar
    Raphael Josino
    Vampiro
    Vampiro

    Mensagens : 151
    Data de inscrição : 01/11/2012
    Localização : Miranda Vale,Rio de Janeiro

    lenda : capelobo

    Mensagem por Raphael Josino em Dom Nov 11, 2012 3:26 pm

    A lenda relata que todo Capelobo é originado de índio ou índia, que fica muito velho (a) e não chega a morrer. Afirma-se que a aldeia toma conta dos índios velhos, e prendem em cercados de madeiras quando estão com unhas, cabelos e dentes enormes, segundo o fato o índio que é preso nesse chiqueiro, é alimentado com carne crua. Pois se ficar solto rasga e come as crianças. Esta Lenda é muito comum na Região dos Rios do Pará e também no Maranhão. O nome Capelobo, também chamado Cupelobo é a união de um nome de significado provavelmente indígena, onde cape (osso quebrado, torto ou aleijado) + lobo. O Capelobo pode aparecer com duas formas distintas: Forma de animal onde se parece com uma anta, porém com características mais distintas, é mais rápido, apresenta um focinho mais parecido com o de um cão ou porco, e com longa crina, muito peludo e extremamente feio, sempre perambula pelos campos, especialmente em várzeas. Já na forma semi-humana, aparece com um corpo humano com focinho de tamanduá e corpo arredondado. Costuma sair à noite, rondando as casas e acampamentos que ficam dentro das florestas, denuncia-se pelos gritos e tem o pé em forma de fundo de garrafa. Mata cães e gatos recém-nascidos para devorar. Encontrando bicho de grande porte ou caçador, rasga-lhe a carótida e bebe o sangue. Só pode ser morto com um ferimento no umbigo por uma razão assustadora: ao encontrar alguém andando desprevenido pela selva, ele o abraça com seus braços fortes, perfura-lhe o crânio na parte mais alta, introduz a ponta de seu focinho nesse orifício e sorve gulosamente toda a massa encefálica do infeliz. Depois abandona no local o corpo da pobre vítima, para que outros animais possam se servir dele. Outra versão o apresenta com aparência que lembra a marmota em formato de gente, com mais ou menos dois metros de altura e somente um olho no meio da testa. Peludo e muito feio, tem o costume de perambular pelas várzeas, e não obstante o medo que inspira às pessoas, jamais se ouviu falar que causado mal a alguém.

      Data/hora atual: Qua Ago 23, 2017 1:39 pm